reprodução automática próximo vídeo em 5s

Única coisa boa do Maranhão é o presídio de Pedrinhas, diz Bolsonaro

A ameaça do PP em indicar Jair Bolsonaro à Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados levou um grupo de mulheres da UJS (União dos Jovens Socialistas) a promover um beijaço nos corredores da Casa na tarde desta terça-feira (11). Conhecido pelas posições conservadoras e ataques a movimentos gays, Bolsonaro também circulava no local do protesto. De forma exaltada, Bolsonaro disse que via o presídio de Pedrinhas, onde ocorreram dezenas de mortes de presos desde o ano passado e reacendeu a discussão sobre o caos penitenciário, como a única coisa boa do Maranhão. Leia mais. Visite o UOL Notícias.

UOL Cursos Online

Todos os cursos